Vamos conversar sobre Auto Estima?

em 14 de maio de 2018

Heeey, pessoal! Voltei e com tudo definitivamente, estou cheia de ideias e querendo trazer muito conteúdo legal para vocês. Ultimamente meus dias têm sido muito corridos e eu estava meio que com a criatividade bugada, o cansaço sempre faz isso comigo. Mas como agora quero trazer mudanças para minha própria vida, acho que a melhor forma de me auto apoiar em tais mudanças é registrando tudo por aqui. Será que vai funcionar? Bem, eu nem sempre tive uma auto estima baixa, acho que isso começou a uns 5 anos. O que me levou a decair tanto com meu amor próprio para falar a verdade não sei, mas decidi que quero mudar, quero voltar a me sentir bem em meio a outras pessoas. 



Sei que parece um assunto clichê, afinal, ultimamente tem muita gente em busca de seu auto conhecimento e amor próprio, logo tem muitos sites abordando esse tema. Mas sabem, eu andei procurando diversos artigos tentando encontrar uma leitura pelo lado de pessoas comuns que estão passando por isso, mas não encontrei muita coisa. A maioria dos artigos são com dicas de psicólogos e eu não sou uma pessoa muito fácil para mudanças, por mais que queira, parece que tenho que me apegar a alguém como exemplo. 

Bem, dentre todos os artigos que li, achei interessante um que se chamava "Me sinto feia: o que fazer para melhorar minha auto estima?" E gente, foi nessa frase abaixo que me vi ainda mais:

"Uma pessoa que não gosta de si mesma imagina que os outros também podem não gostar. O resultado muitas vezes é o isolamento, a fuga dos contatos com os demais. Não é à toa que a baixa autoestima é, tantas vezes, a causa principal da timidez, dos ciúmes exagerados, da ansiedade e depressão."

Eu literalmente tenho me esforçado muito para sair de casa e sempre me sinto mal, me sinto estranha, parece que eu não sou boa o bastante para nenhum lugar que frequento, acabo voltando e brigando sempre com as pessoas próximas de mim. :/



Lendo melhor esse artigo, resolvi fazer o que ele propunha, buscar a raiz do meu problema para então tentar solucionar. Mas listando as coisas que não gosto em mim, pasmem, não sobrou muita coisa que eu realmente aprecie na minha pessoa. Me senti doente da cabeça, sério, como uma pessoa pode conviver consigo mesma todos os dias odiando cada pedacinho de si. Não é normal! Então, hoje quando levantei da cama, domingo dia 13 de maio me olhei no espelho e comecei a repetir para mim mesma as coisas que eu admirava em mim, antes de me tornar o que sou hoje. Me senti melhor e o meu dia fluiu bem mais leve. Então, se você estiver passando pelo mesmo que eu, te desafio a todos os dias na primeira hora da manhã tirar um tempinho para se olhar no espelho e se elogiar. Pode parecer idiota, mas é a maneira mais fácil de trabalhar nosso subconsciente, eu farei isso até minha cabeça entender que sendo diferente das outras pessoas eu também sou uma pessoa bonita. :)

E você se considera uma pessoa com boa auto estima? Quem tiver dicas de leituras também pode colocar aqui nos comentários, vou adorar ler mais sobre! Até a próxima, Fran.

3 comentários:

  1. Assunto muito importante. É ótimo e primordial está de bem consigo mesmo.
    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  2. Olá Franci! Tudo bem?
    Caramba, eu adorei o seu texto, pois estou passando pela mesma situação. Sair de casa tem sido um mártir, e ficar isolada está me destruindo aos poucos. Essa coisa de auto estima é bem complicada, não consigo olhar pra mim e ver algo de bom. Com certeza o seu texto vai ajudar muitas pessoas.

    Já estou te seguindo.
    Conheça meu blog:
    ~ miiistoquente

    ResponderExcluir
  3. esse tipo de post é muito importante! impressionante como eu,minhas amigas, tds meninas maravilhosas que eu converso tem tao baixa auto estima; precisamos mt desse exercício diário de nos amar e nos aceitar mais

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir

Social Network



Instagram

Topo